• Armani e o fim do uso de pele animal

    23 de março, 2016

    armani 5

    Nessa terça-feira, dia 22 de março, o grande estilista italiano Giorgio Armani, hoje com 81 anos, anunciou que suas marcas que compõem o Grupo Armani não usarão mais peles de animais nas suas peças. O Grupo que detém a Armani Privé, Giorgio Armani, Emporio Armani e Armani Exchange adotará essas medidas a partir da temporada outono/inverno 2016/17; pondo fim a um cruel processo feito pela indústria de peles.

    Giorgio falou em declaração oficial: “Estou feliz por anunciar que o Grupo Armani fez um compromisso firme para abolir o uso de peles de animais nas suas coleções. O progresso tecnológico  dos últimos anos permite-nos ter alternativas válidas à disposição que tornam o uso de práticas cruéis desnecessário no que toca aos animais. Seguindo um processo positivo tomado já há muito tempo, a minha companhia dá agora um passo maior, que reflete a nossa atenção aos aspetos críticos de proteção e cuidado pelo ambiente e animais”.

    A medida do empresário e estilista foi feita em parceria com a The Humane Society of The United States e a Fur Free Alliance (que detém mais de 40 organizações de proteção animal), já que ambas organizações lutam contra o uso de peles de animais na indústria da moda. Joh Vinding, presidente da Fur Free declara que a decisão de Armani “torna claro que os designers e os consumidores podem ter liberdade criativa e luxúria sem apoiarem a crueldade animal”.

    Ele não foi o único da indústria Fashion a adotar essas medidas, Hugo Boss, Tommy Hilfiger, Calvin Klein e Stella McCartney já não utilizam mais peles de animais nas suas coleções; e essa tendência é cada vez maior no mercado da moda que tende a ser cada vez mais vegano e sustentável. Como diria o estilista,  “Elegance is not about being noticed, it’s about being remembered”, e que ele seja lembrado por essa modernização do seu processo têxtil.

Raquel P. Fejgiel

Criei o blog em 2014, com a intenção de escrever sobre moda, gastronomia, lifestyle, beleza e viagens. Sou formada em Jornalismo na UFRJ, Produção de Moda pela Puc-Rio e Branding no IED Rio. Entre vários cursos que fiz na área de moda estão alguns como "Marcas que fazem a Moda no Rio" na Casa do Saber, Personal Stylist e Jornalismo de Moda no Instituto Rio Moda.

See more

Most Read

Newsletter

Advertising